Mitos e verdades sobre o suicídio

2 minutos para ler

Saúde mental e suicídio ainda são um tabu em nossa sociedade. Porém, falar sobre os temas é muito importante para desmistificar o assunto tanto para quem precisa de ajuda quanto para quem gostaria de ajudar e não sabe exatamente como.

Sendo assim, preparamos uma pequena lista de mitos e verdades sobre o suicídio. Confira:

Mitos e verdades sobre o suicídio

Mitos:

– Pessoas que ficam ameaçando se matar não se matam, só querem chamar a atenção.

– Quem quer se matar é porque tem falta do que fazer, precisa se ocupar mais.

– Falar sobre suicídio incentiva a pessoa a cometê-lo. Por isso, não se deve tocar no assunto.

– Suicídios ocorrem sem aviso e não podem ser prevenidos.

– Uma melhora após a crise significa que o risco de suicídio acabou.

– Só comete suicídio quem tem depressão.

Verdades:

– A maioria das pessoas que se matam deu avisos de sua intenção.

– A maioria das pessoas que pensam em se matar tem sentimentos ambivalentes.

– Muitos suicídios ocorrem num período de melhora, quando a pessoa tem a energia e a vontade de transformar pensamentos desesperadores em ação autodestrutiva.

– A maioria das tentativas de suicídio pode ser prevenida.

– Pensamentos suicidas podem ir e voltar, eles não são permanentes.

– A ideação suicida pode ser passageira e durar alguns minutos ou horas. Por isso, ao acalmar uma crise, ganha-se tempo. Assim, o encaminhamento adequado pode reduzir o risco de morte.

– Transtornos como depressão, alcoolismo, perdas recentes, dor crônica, doenças incapacitantes e condição de isolamento social são alguns dos fatores de risco para suicídio.

– Em situações de ideação suicida, o ideal é convidar essa pessoa para conversar sobre suicídio, sobre o que está se passando com ela e o que ela está sentindo.

E você, conhecia estes mitos e verdades? Quando o assunto é saúde mental e risco de suicídio, a informação pode salvar vidas. Por isso é tão importante levar o assunto para conversar com seus amigos, familiares e também com os colegas de trabalho.

Posts relacionados

Deixe um comentário

Share This